SIGA



O-Sensei
Morihei Ueshiba
(1883-1969)
Fundador do Aikido

AIKIBLOG

12/05/2019 - 00:00
Aikido, a Arte da Paz

A arte que nos une!

 
Ai significa harmonia, Ki, energia e Do, caminho. Algo como “o caminho para se harmonizar a energia”.
 
O Aikido é uma arte marcial moderna, onde não existem competições e que busca o aprimoramento do indivíduo por meio da prática regular em grupos. Estudando técnicas de projeção e imobilização e partindo de um conjunto de movimentos básicos, aos poucos, o praticante vai entrando em contato com as infinitas possibilidades que esta arte proporciona. 
 
Os reflexos, o equilíbrio e a percepção de espaço do Aikidoca estão em constante aprimoramento e tornam-se parte da pessoa no dia a dia, seja no trabalho, nos estudos ou no espaço urbano. Estando mais alertas a tudo que nos cerca, temos condições de prever e nos livrar de situações de risco, evitando entrar em choques de consequências imprevisíveis.
 
No Japão o Aikido também é ensinado nas escolas, para estimular a cooperação entre as crianças, ajudando a formar o caráter e a auto confiança de meninos e meninas, por meio da disciplina, respeito e companheirismo. 
 
É um ótimo meio de promoção da saúde física e mental para todas as idades, estando presente em quase todo o mundo, vencendo barreiras de linguagem, credo, política e condição social.
 
 
 
Mais do que uma arte marcial ou apenas um sistema de defesa pessoal, o Aikido é o caminho da harmonia - física e espiritual. O objetivo é a superação dos próprios limites. O praticante jamais entra em choque com um ataque - ele evita o impacto, redirecionando a força do oponente contra ele mesmo. A linha tênue entre ganhar e perder é substituída por uma alternativa mais refinada: o encontro pacífico entre forças opostas para o beneficio mútuo.

Para a maioria das pessoas, cair significa algo traumático ou derrota. No Aikido, aprendemos a cair e a levantar (Ukemi) a todo o tempo. Recebendo ou aplicando as técnicas, estamos ensinando e aprendendo com cada parceiro, descobrindo e superando limites através da interação com a diversidade, entendendo como nos doar e sermos cada vez mais honestos e verdadeiros nas faces que expomos de nós mesmos.

Venha treinar Aikido!
Tags:

Share